26 de ago de 2012

Delírio

 
 
 
Título: Delírio
Título original: Delirium
Autora: Lauren Oliver
Editora: Intrínseca
Páginas: 342
Site da autora: www.laurenoliver.com.br

Resenha:
"Noventa e cinco dias, e então estarei segura. (...)
Fico imaginando se a intervenção vai doer.
Quero acabar logo com isso. É difícil ter paciência.
É difícil não sentir medo sabendoque ainda não fui curada, apesar de até agora eu não ter sido acometida pelo deliria. Mesmo assim me preocupo.
Dizem que antigamente o amor levava as pessoas à loucura.
(...) É o mais mortal de todos os males: você pode morrer de amor ou da falta dele."

Para erradicar definitivamente o amor e garantir o bem-estar da população, todos os cidadãos, ao completar dezoito anos, passam por um tratamento obrigatório fornecido pelo governo. Depois, livres do mal, jamais irão experimentar o gosto amargo do sofrimento - e tampouco os sabores fortes da euforia, do arrebatamento, da paixão.

Sinopse:
Achavam que amar era algo sublime.
Mas isso foi antes de encontrarem a cura.

Ouvi muitas vezes que quando
eu fosse curada do amor
ficaria feliz e em segurança
para sempre.
Eu acreditava nisso. Antes.
Agora tudo mudou, e posso dizer que
hoje prefiro sofrer
de amor por um único
milésimo de segundo a viver cem anos
reprimida por uma mentira.



Lena (a personagem principal) conta os dias até chegar a sua intervenção para se livrar da doença que levou sua mãe à morte e por pouco também não leva a irmã, Rachel. Até conhecer Alex, um inválido que se recusa a ser curado. Com ele e a melhor amiga, Hana, Lena descobre aos poucos que o que dizem sobre a doença não é verdade, e resolve fugir para a selva.
 

Um comentário:

  1. Ehhhhhhhhhhhh, finalmente terminou d ler, temos mto assunto p. amanhã

    ResponderExcluir